ÁGORA - ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA
Faculdade de Medicina da UFMG

:. Impressão de registro(s) da base de dados .:


000908

Referência:
DUBEUX, Luciana Santos. Incentivo ao aleitamento materno: uma avaliação das equipes de saúde da família do município de Olinda, Pernambuco. REVISTA BRASILEIRA DE SAÚDE MATERNO INFANTIL. Recife, v. 4, n. 4, p.399-404, out./dez. 2004.
   
   


Outro(s) Autor(es):
--- não informado ---

Colaborador(es):
--- não informado ---

Descritor(es):
Aleitamento materno; Garantia da qualidade dos cuidados de saúde; Avaliação de programas; Programa Saúde da Família

Termo(s) livre(s):
--- não informado ---

Resumo:
Objetivos: avaliar o grau de implantacao da acao de Incentivo ao Aleitamento Materno (IAM) em Olinda, 2003. Metodos: estudo avaliativo-normativo, transversal realizado nas 40 Equipes de Saude da Familia (ESF) implantadas nos dois Distritos Sanitarios (DS) de Olinda, entre julho e setembro de 2003. O instrumento utilizado contemplou questoes relativas a acao de IAM e a julgou como implantada (90% a 100% de respostas positivas), parcialmente implantada aceitavel (70% a menos de 90% de respostas positivas), parcialemnte implantada nao aceitavel (50% a menos de 70% de respostas positivas) e nao implantada (concordancia inferior a 50%). Resultados: a acao de IAM foi implantada em 22,5% das ESF e em 57.5% parcialmente implantada aceitavel, havendo melhor desempenho no DS II. Dentre as atividades para a promocao da acao, destacam-se: a "orientacao no pre-natal", a "orientacao alimentar para o desmame" e o "envolvimento multiprofissional", como as mais desenvolvidas pelas equipes de ambos os DS.

[Nova Pesquisa]