NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON
Projeto de intervenção para diminuir a alta prevalência de diabetes mellitus descompensado na comunidade atendida pela equipe de Saúde da Família Lagoinha na Cidade de Funilãndia - Minas Gerais
Tipo:
Trabalho de Conclusão de Curso
Referência:
Outro(s) Autor(es):
Descritor(es):
Informações Pedagógicas:
(Curso de Especialização Gestão do Cuidado em Saúde da Família)
Resumo:
Este projeto se justifica pelo fato de que a maioria dos usuários com Diabetes Mellitus atendidos na Equipe de Saúde da Família Lagoinha não faz uso dos medicamentos e os principais motivos para a baixa adesão ao tratamento, segundo os pacientes, são: medicamento em falta na unidade, efeitos colaterais desagradáveis, esquecimento, melhora imperceptível, entre outros. Esta baixa adesão tem como consequência piora no quadro do paciente e complicações que podem gerar internações e até mesmo óbitos, principalmente porque estes pacientes já se encontram com alterações metabólicas graves. Além disso, muitos apresentam o Diabetes Mellitus associado à hipertensão arterial sistêmica. O objetivo deste estudo é elaborar um plano de intervenção com vistas a diminuir a alta prevalência de diabetes mellitus descompensado em pacientes da área de abrangência da Equipe de Saúde da Família Lagoinha da cidade de Funilândia no estado de Minas Gerais. Foi utilizado o Planejamento Estratégico Situacional para estimativa rápida dos problemas observados, definição do problema prioritário e demais passos do plano, foi realizada também uma revisão bibliográfica sobreo tema. O cuidado com o diabetes envolve todos os aspectos da vida de uma pessoa. Para continuar esse cuidado no longo prazo, cada interação com o paciente deve ser feita a partir de uma apreciação da pessoa, em vez de um foco científico e reducionista na fisiopatologia da hiperglicemia e das células . As diretrizes são: o trabalho da equipe de saúde e comunidade ajustar essas diretrizes à pessoa diabética. O tema em estudo foi de extrema importância para o entendimento do diabetes mellitus na atenção básica e as ações que devem ser realizadas para a melhoria da qualidade de vida dos diabéticos, contribuindo com aumento da adesão ao tratamento farmacológico e, principalmente das mudanças no estilo de vida e nos hábitos alimentares
Informações Adicionais:
CEGCSF