NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON
Intervenção educativa sobre hipertensão arterial sistêmica em pacientes hipertensos da Unidade Básica de Saúde 25 de Agosto de Cruzeiro do Sul - Acre
Tipo:
Trabalho de Conclusão de Curso
Referência:
Outro(s) Autor(es):
Descritor(es):
Informações Pedagógicas:
(Curso de Especialização Gestão do Cuidado em Saúde da Família)
Resumo:
A Hipertensão Arterial Sistêmica e condição clínica multifatorial caracterizada por elevação sustentada dos níveis pressóricos = 140 e/ou 90 mmhg. Considerada um problema de saúde pública, constitui um importante fator de risco para desenvolvimento de doenças cardiovasculares, cerebrovasculares e renais. É um dos principais problemas de saúde em países desenvolvidos. A doença causa diminuição da expectativa de vida e aumento da mortalidade de homens e de mulheres. Um dos fatores que têm contribuído para o aumento dos casos de hipertensão é o estilo de vida moderno, que envolve maus hábitos alimentares, sedentarismo, obesidade, tabagismo. O objetivo é elaborar um projeto de intervenção com vistas a melhorar o nível de conhecimento sobre Hipertensão Arterial Sistêmica de pacientes hipertensos da Unidade Básica de Saúde 25 de agosto do município Cruzeiro do Sul - Acre. Para a elaboração do trabalho foi executado o diagnóstico situacional de saúde de nossa área de abrangência. O problema priorizado foi elevada prevalência de hipertensão arterial sistêmica, mediante o método de estimativa rápida. A revisão bibliográfica foi feita através de pesquisas de material cientifico para abordar o tema proposto. Para a realização da proposta de intervenção levou-se em conta a aplicação do método do Planejamento Estratégico Situacional. A principal estratégia apresentada é a intervenção educativa com pessoas hipertensas cadastradas e acompanhadas na Unidade Básica de Saúde, por meio de oficinas temáticas e palestras dialogadas, melhorando a adesão ao tratamento farmacológico e a adesão a hábitos e estilos de vida mais saudáveis. Assim, espera-se que a presente proposta possa diminuir os fatores de risco e aumentar o conhecimento sobre a esta doença
Informações Adicionais:
CEGCSF