NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON
Proposta de intervenção para modificação dos fatores de risco associados à hipertensão arterial sistêmica, da comunidade de Vila Altina - Marechal Deodoro, Alagoas
Tipo:
Trabalho de Conclusão de Curso
Referência:
Outro(s) Autor(es):
Descritor(es):
Informações Pedagógicas:
(Curso de Especialização em Atenção Básica em Saúde da Família)
Resumo:
A Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) e um grave problema de saude publica no Brasil e no mundo por ser um importante fator de risco para o desenvolvimento de doenças cerebrovasculares. Estima-se que no Brasil, em 2011, havia cerca de 24,3 milhões de hipertensos. Apesar do uso da medicação, apenas 22% da população hipertensa apresenta níveis pressóricos adequadamente controlados. Desta forma, o desenvolvimento de estratégias para a implementação de medidas preventivas, controle da hipertensão arterial e suas complicações devem ser executadas na Equipe de Saúde da Família (ESF) proporcionando uma melhora na qualidade de vida da população. Seguindo o modelo integral de atenção à saúde e as recomendações preconizadas pelas diretrizes da atenção básica, este estudo tem como objetivo elaborar um plano de aca~o para aumentar o controle pressórico dos hipertensos atendidos pela ESF da Vila Altina, localizado na cidade de Marechal Deodoro-AL. Espera-se melhorar a adesão à terapêutica anti-hipertensiva, além de enfatizar a importância do tratamento não-medicamentoso no controle da pressão arterial, minimizando complicações futuras
Público Alvo:
Médicos de Família e ComunidadeMédicos ClínicosEnfermeiros e afins
Informações Adicionais:
CEABSF - UNIFAL