NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON
Contribuição ao estudo da cárie dentária em crianças de 0-30 meses
Tipo:
Artigo
Referência:
BARROS, Sandra Garrido de et al. Contribuição ao estudo da cárie dentária em crianças de 0-30 meses. PESQUISA ODONTOLÓGICA BRASILEIRA. São Paulo, v. 15, n. 3, p.215-222, jul./set. 2001.
Outro(s) Autor(es):
Descritor(es):
Resumo:
Este estudo avaliou as condicoes de saude bucal de 340 criancas de 0-30 meses de idade (21,3 5,6), sendo 54,4% meninos, 45,6% meninas, de 20 creches de Salvador, considerando lesoes incipientes e relacionando-as a alguns fatores determinantes da carie. Os exames foram realizados por um unico examinador utilizando-se espelho, sonda e lanterna. Os dentes foram limpos, secos com gaze e as lesoes classificadas de acordo com o grau de severidade em cinco niveis (C0-C4; ativa/inativa). Um questionario avaliou o conhecimento sobre a carie, fatores de risco, instrucao, renda familiar e uso de fluor. Foram incluidos 229 questionarios (67,35%). A analise dos dados foi realizada no Epi-info 6.02. Observou-se uma prevalencia de carie de 55,3% quando todos os estagios da lesao foram considerados: 25% entre 0-12 meses; 51,18% entre 13-24 meses; 71,03% entre 25-30 meses (x = 25,31; p 0,01). Avaliando-se apenas manchas brancas ativas, 49,7% das criancas mostraram-se afetadas e 17.6%, apenas com lesoes cavitadas. Das criancas afetadas, 90,96% apresentavam apenas dentes anteriores afetados: 80% das lesoes eram incipientes e 20%, cavitadas. Nao foi observada diferenca significante entre sexos. O aumento da quantidade de biofilme dental mostrou associacao positiva com a carie nesta faixa etaria (x =67,61; p 0,01) e a porcentagem de criancas afetadas mostrou-se maior na presenca de aleitamento noturno (x =0,24; p = 0,62). Foi observado um aumento da prevalencia de carie com a idade (x = 25,31; p 0,01) e com o numero de dentes irrompidos (x = 122,95; p 0,01). Sugere-se atencao precoce a saude bucal para o diagnostico de lesoes incipientes e adocao de medidas educativas e preventivas, incentivando mudancas na higiene bucal e dieta.