NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON
Segurança química, saúde e ambiente - perspectivas para a governança no contexto brasileiro
Tipo:
Artigo
Referência:
FREITAS, Carlos Machado de et al. Segurança química, saúde e ambiente - perspectivas para a governança no contexto brasileiro. CADERNOS DE SAÚDE PÚBLICA. Rio de Janeiro, v. 18, n. 1, p.249-256, jan./fev. 2002.
Outro(s) Autor(es):
Descritor(es):
Resumo:
A seguranca quimica e reconhecida na Agenda 21 como um dos serios problemas a saude e ao ambiente que devem ser enfrentados globalmente, convertendo-se em um problema de governanca, nos niveis nacional e internacional. Isto coloca uma serie de desafios para paises como o Brasil, em que as situacoes relacionadas a poluicao quimica tiveram um crescimento em intensidade e extensao maiores do que a capacidade de enfrenta-los e controla-los. Este quadro e ainda mais agravado quando se considera que questoes como democracia, seguranca, sustentabilidade e equidade, fundamentais para governanca, ainda sao incipientes e se encontram longe de serem resolvidas. Novos arranjos societarios e novas abordagens cientificas mais contextualizadas e participativas sao as bases para se constituir e expandir estrategias de governanca para a seguranca quimica.