NESCON MEDICINA UFMG Homepage NESCON

Quedas em idosos: principais causas e consequências
Tipo:
Artigo
Referência:
JAHANA, Kelly Onaga; DIOGO, Maria Jose D'Elboux . Quedas em idosos: principais causas e consequências. SAÚDE COLETIVA. São Paulo, v. 4, n. 17, p.148-153, 2007.
Descritor(es):
Resumo:
Esse estudo teve por objetivo caracterizar as causas e consequencias das quedas em idosos, associando-os com perfil sociodemografico e de saude. Foram entrevistados em domicilio 73 idosos, com diagnostico de traumatismo (CID-10). A maioria das quedas ocorreu entre as mulheres (67,1 percentual) com idade media de 76,2 anos. Houve predominancia de trauma em membros inferiores (73,9 percentual), tratamento cirurgico (91,8 percentual) e internacao media de 14,2 dias. (41,1 percentual) referiram uma unica queda em casa, (35,6 percentual) enquanto deambulavam e (80,8 percentual) da propria altura; (60,6 percentual) referiram ao fator abiental como causador do evento. As principais consequencias citadas foram: medo de cair novamente (75,3 percentual), perda da independencia (50,7) e modificacao de habitos (45,2 percentual).